Breaking News
Loading...
terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Jesus Cristo é uma demonstração viva de humildade. Em todo Seu relacionamento com Deus e também com as outras pessoas, Ele provou ser um servo humilde, sem ser pretensioso, sem orgulho, sem egoísmo ou qualquer preconceito.
Em Jesus vemos um homem que Se dava com os miseráveis da Sua época. Ele Se associava com os trabalhadores e pescadores. Ele bebeu do mesmo copo da mulher de raça mista tão desprezada e rejeitada pelas pessoas religiosas. Jesus mostrou Seu espírito humilde quando, entrando em qualquer cidade, tocou no corpo imundo do leproso e na língua do mudo. Ele Se preocupava com os homens loucos de quem ninguém mais conseguia aproximar-se. Ele aceitava convites para jantar nas casas de pecadores, publicanos, bem como fariseus e hipócritas. Jesus não evitava nenhuma classe de gente. Mulheres de má reputação chegaram a Ele sabendo que encontrariam compreensão, perdão, e também a ordem de arrependerem-se do mal. Jesus ficava à vontade na presença dos altos funcionários que não se consideravam dignos que Ele entrasse nas suas casas e também na presença de cegos e mendigos que moravam no pó à beira de qualquer estrada.


Jesus tirava tempo de sua apertada agenda para falar com todos, respondendo perguntas, tirando duvidas e mostrando o melhor caminho. Ele visitava as casas do povo, os cultos religiosos de outros líderes, assistia casamentos, pescava com amigos, falava com crianças no Seu colo. Ele sempre parava no caminho para atender um chamado de ajuda.

Embora tivesse toda a razão para se exaltar e se glorificar (Ele era Filho de Deus e sabia disso), Jesus sempre insistiu que foi Seu Pai que fez tudo. Em Jesus podemos ver todas as atitudes associadas com uma pessoa pobre de espírito: humildade, submissão, serviço, fé e amor. Alguns exemplos de Sua humildade são:

1. SEU NASCIMENTO (Filipenses 2:5; Lucas 2) - Não foi por acaso que Jesus nasceu naquele lugar deitado numa manjedoura. Jesus "sendo rico Se fez pobre por amor de nós para que pela Sua pobreza nos tornássemos ricos" (2 Coríntios 8:9). Ele humilhou-Se. Quem já ouviu falar do dono de uma companhia multinacional que deixou toda sua riqueza, conforto e honra para viver entre os desprezados da sociedade, porque ele se compadeceu e os quis ajudar? Se você puder imaginar isso então multiplique o que foi imaginado por 1000 e você vai começar compreender o amor e humildade de Jesus Cristo.

2. SUA DEPENDÊNCIA DE DEUS - Talvez nada esteja mais longe alvo do homem do que ficar dependente de outra pessoa. Todos querem ser independentes. "Eu posso cuidar de mim mesmo" é ouvido quase diariamente. Mas estamos vendo como humildade é o consentimento (deixar Deus ser tudo, rendendo-se a Ele e a Sua vontade). Em Jesus vemos perfeitamente esta dependência voluntária. Escute as próprias palavras do Senhor no livro de João:
5:19 - "O Filho nada pode fazer, senão aquilo que vir fazer o Pai.
5:30 - "Eu nada posso fazer de Mim mesmo... Eu não procuro Minha própria vontade, e sim, a dAquele que Me enviou."
5:41 - "Eu não aceito glória que vem dos homens."
6:38 - "Eu desci dos céus não para fazer a Minha vontade e sim a do Meu Pai."
7:16,17 - "Eu falo a doutrina de Deus e não por Mim mesmo."
8:28 - "Nada faço por Mim mesmo, mas como o Pai Me ensinou."
8:42 - "Não vim de modo próprio mas Deus Me enviou."
8:50 - "Eu não procuro a Minha própria glória.
24: 10 - "As palavras que vos digo, não as digo por Mim mesmo mas o Pai que permanece em Mim faz as Suas obras."
14:24 - A palavra que estais ouvindo não é Minha mas do Pai que Me enviou."
Jesus deu ao Pai toda a honra e glória. Foi assim que Deus conseguiu na vida de Jesus a redenção da raça humana. Cristo Se tornou nada para que Deus pudesse ser tudo. Ele Se submeteu totalmente às palavras, obras e vontade do Pai. A vida de Cristo é a vida de auto renúncia, total submissão e completa dependência de Deus. Em tudo isso, Jesus não perdeu nada porque o Pai O exaltou acima de todo nome no céu e na terra. Agora, ao nome de Jesus, o humilde, todo joelho deve dobrar-se e toda língua confessar que Jesus Cristo e: o Senhor para glória de Deus Pai (Filipenses 2:11).

3. SEU SERVIÇO AOS HOMENS - (Lucas 22:27; João 13:5-14) Porque Cristo Se humilhou perante Deus, também conseguiu Se humilha perante os homens. Jesus era servo de todos. Ele que era Senhor d todos, naquela noite, pegou a toalha e a jarra e, Se ajoelhando perante homens indignos, começou a fazer o serviço dum servo humilde. Jesus lavou os pés sujos do amigo que o trairia naquela mesma noite. Ele lavou os pés sujos do discípulo que dentro de 12 horas diria três vezes "Eu não sou dEle... não O conheço". Jesus lavou os pés sujos dos irmãos que acabavam de discutir entre si, qual dentre eles seria o maior no reino dos céus. Que exemplo Ele nos deixou! Quem se acha alto demais pai·a se ajoelhar perante os indignos do mundo, para se sujar com a sujeira deles, é nada semelhante ao Filho de Deus!

4. SEU MODO DE VIVER - (Mateus 21:1-11) Jesus levou uma vida simples. Ele não vivia em palácios. Uma vez Ele desencorajou um que queria seguí-lo por motivos errados dizendo "As raposas tem seus covis, as aves do céu os seus ninhos, mas o Filho do homem não tem onde repousar Sua cabeça". A simplicidade e humildade dEle se tornam mais extraordinárias quando lembramos que foi Ele quem criou o universo. Por direito de criação e por herança, tudo pertence a Ele, mas quando Jesus entrou em Jerusalém para ser coroado como Rei dos judeus e Messias que ia salvar o povo, escolheu entrar montado em jumento, um jumentinho, cria de animal de carga.

Que diferença entre os valores de Jesus e os dos outros "grandes" do mundo. A história diz que quando Alexandre o Grande entrou na Índia, houve uma procissão imensa. Primeiro, um homem espalhando flores, em seguida 200 elefantes pintados, 200 cavaleiros montados em cavalos, olhando para trás, para o carro de Alexandre que vinha puxado por 40 cavalos pretos com 200 lão ao redor. Ele, sentado num trono de ouro, em um carro de marfim, afirmando "eu sou o senhor do universo que Já conquistou o mundo e agora vou conquistar as estrelas." Este Alexandre o Grande morreu aos 33 anos e hoje não é dono de nada. Mas o Rei humilde, que entrou na cidade sentado num jumento, é ainda dono de tudo. O caminho humilde de um servo despretensioso O levou à glória.

APLICAÇÃO:
A prova de nossa humildade perante Deus é como vivemos perante os homens. É fácil dizer que amamos a Deus que não vemos. Mas, o amor verdadeiro se mostra no amor para o próximo e com humildade .
Como você sabe que Cristo vive em você? Será que você participa do mesmo caráter dEle? Para você conhecer se é uma pessoa humilde, é necessário observar sua vida no dia a dia.
Você vive dando honra e preferência aos outros? (Romanos 12:16)

Você é sábio aos seus próprios olhos? (Romanos 12:16)
Você ama de coração sem se ensoberbecer e sem procurar seus próprios interesses? (1 Coríntios 13:4,5)
Você serve aos outros pelo amor? (Gálatas 5:13)
Você suporta os outros em amor com toda longanimidade? (Efésios 5:21)
Você considera os outros superiores a si mesmo? (Filipenses 2:3)

Você perdoa os outros como Jesus lhe perdoou? (Colossenses 3:13)
Como é ser humilde? A resposta está no seu tratamento às pessoas. Somente quando nós nos considerarmos como nada em relação a Deus, vamos poder considerar como superiores os que têm menos conhecimento, talentos, sabedoria santidade. Adote o espírito de Cristo que não Se engrandeceu e não buscou Sua própria glória. Se este não e seu espírito, faça o seguinte para crescer em humildade:
1. Reflita mais no exemplo de Cristo e na beleza da Sua humildade e tratamento aos outros.
2. Reflita mais em sua dependência de Deus. Por si próprio você não pode nem respirar. Ele nos dá tudo para nos sustentar e nos
3. Reflita mais nos seus pecados, o quanto você tem feito de mal, o quanto você carece da glória de Deus. Quantas vezes você teve oportunidade para fazer o bem e não o fez?
4. Reflita mais na cruz do Calvário dos seus pecados e o preço que Cristo pagou por causa
5. Coloque Deus no trono do seu coração, fazendo uma decisão firme de se submeter a Ele a sua vontade, as suas ações e a sua vida.
6. Ore a Deus pedindo que Ele lhe transforme.
7. Comece a praticar as coisas que a humildade exige. Se não conseguir controlar seus sentimentos, pelo menos pode controlar suas ações, confiando em Deus para lhe dar os sentimentos corretos. Então submeta-se a Deus e as outras pessoas, buscando o bem e o interesse deles em vez de seus próprios interesses.

0 comentários:

Postar um comentário

Você tem plena liberdade para comentar. Só siga algumas regras:

NÃO serão aceitos comentários que:

→ Forem desagradáveis ou conterem insultos e xingamentos;
→ Desviarem do assunto;
→ Contiverem LINKS, SPAM, endereços eletrônicos;
→ Usarem CAPS em excesso;
→ Conterem racismo, preconceito e intolerância religiosa.
→ Eu peço aos meus leitores que se inscrevam no blog, na opção "Participar deste site'', para que o avatar de vocês
apareça quando vocês fizerem seus comentários.
Não estou mendigando seguidores é só um pequeno aviso.