Breaking News
Loading...
sábado, 8 de novembro de 2014

Todos nós sabemos que uma árvore dá frutos, mesmo que sejam frutos que não nos servem de alimentos; às vezes, somente frutos para dar continuidade à espécie, ou seja, reprodução. De qualquer forma, toda árvore dá fruto, ou pelo menos deveria. Pois é um processo natural e implícito à aquele ser. 

Já pensou se a vaca não der leite ou carne? E a ovelha não der lã, carne e leite? Pra que serviria? Ocuparia lugar inutilmente na terra?

Lc 13.6-9 A parábola da figueira estéril

“Então, Jesus proferiu a seguinte parábola: Certo homem tinha uma figueira plantada na sua vinha e, vindo procurar fruto nela, não achou. Pelo que disse ao viticultor: Há três anos venho procurar fruto nesta figueira e não acho; podes cortá-la; para que está ela ainda ocupando lugar inutilmente a terra? Ele, porém, respondeu: Senhor, deixa-a ainda este ano, até que eu escave ao redor dela e lhe ponha estrume. Se vier a dar fruto, bem; se não, mandarás cortá-la.

Uma árvore quando não dá frutos, ela é podada pelo agricultor para que se renove e venha a dar frutos, e frutos bons. Nós também somos assim. Somos podados pelo Senhor para que se renove em nós uma vida cristã frutífera. Veja a parábola da figueira sem fruto: “Cedo de manhã, ao voltar para a cidade, teve fome; e, vendo uma figueira à beira do caminho, aproximou-se dela; e, não tendo achado senão folhas, disse-lhe: Nunca mais nasça fruto de ti! E a figueira secou imediatamente.” Mt 21.18-19 e Mc 11.12-14

Uma mangueira produz: manga; um pé de abacate produz abacate. Pode até ocorrer de um pé de manga, não produzir manga e apenas servir de sombra pra alguém.

Nós Cristãos, produzimos frutos cristãos, frutos de Cristo. Ou pelo menos deveríamos... Pode ocorrer de um crente / Cristão, não produzir fruto. Apenas ficar ocupando lugar nos assentos nos dias de culto. Bom, a figueira estéril, teve a sua última oportunidade de gerar frutos. Será que ela foi cortada e lançada ao fogo? Vejamos o que Jesus falou segundo Mateus: Mt 7.17-23 ...“toda árvore que não produz bons frutos, é cortada e lançada ao fogo.” E quanto a figueira na qual Jesus procurou frutos e não encontrou e foi dessecada por Ele?

Quantos de nós estamos frondosos e não damos frutos? Segundo Mt 7.21 “Nem todo aquele o que me diz: Senhor, Senhor! Entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.”

A nossa Igreja Vale Verde tem produzido frutos: frutos bons. E tem ofertado a todos: cursos, discipulados, eventos, retiros, congressos, e outras coisas mais... Entretanto, onde estão os trabalhadores? Eles estão muito ocupados em suas tarefas corriqueiras e não tem se dedicado ao Senhor, não tem dado frutos. Apenas ocupando lugares na igreja, contribuindo para o censo Cristão. Segundo Mt 9.37-38 “ Então, se dirigiu Jesus, aos seus discípulos: A seara verdadeiramente é grande, mas os trabalhadores são poucos. Rogai, pois, ao senhor da seara que envie mais trabalhadores para a sua seara.”

Você é um desses? Espero que não. Pois há árvores ruins que mesmo após cortadas próximas a raiz, ainda brotam e ressurgem. E nem precisam da nossa ajuda, água ou esterco (adubo), etc.

A situação é a seguinte:

Você está dando frutos bons ou ruins?

Você é como aqueles fariseus “raça de víboras”?

Jesus escolheu homens para segui-lo e pregar as boas novas, ele os capacitou e depois, os enviou. Jesus espera o melhor de todos nós, eu disse: todos nós, sem exceção. Ele espera os frutos. Pois não podemos ser como a figueira estéril. Senão secaremos ou antes disso, seremos cortados.

Se somente falarmos coisas boas ou fizermos coisas boas, mas realmente não sermos bons, estamos sendo hipócritas = raça de víboras!

Raça de víboras

Se o homem mau fala coisas boas, isso é enganação, hipocrisia, dissimulação. A boca fala o que o coração está cheio. Por isso Jesus chamou os fariseus de raça de víboras, porque sois dissimulados. No início, pode ocorrer mesmo, que uma pessoa má, fale coisas boas, mas os frutos maus acabam por emergir. E conhecereis a árvore pelo seu fruto. Ela será cortada e lançada ao fogo.

O poder da língua, da palavra segundo a Bíblia da Liderança Cristã, Almeida R.A.:

1- As palavras transmitem poder (vs 35-37) - Frutificar ou destruir..

2- As palavras determinam nosso caráter (vs 33-35) – Árvore boa ou má..

3- As palavras determinam nossa recompensa ou castigo (vs 36-37)

4- As palavras produzem frutos (vs 33, 35-37)

5- As palavras decidirão nosso destino (vs 37) Pelas palavras e/ou frutos seremos justificados ou condenados.

Ex: Um funcionário que trabalha e dedica-se muito, após o período de experiência ele demonstra o que realmente é. O mesmo acontece com vários crentes ou recém- convertidos.

Jeremias 17:7-8 “Bendito o homem que confia no Senhor, e cuja confiança é o Senhor. Porque será como a árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro, e não receia quando vem o calor, mas a sua folha fica verde; e no ano de sequidão não se afadiga, nem deixa de dar fruto.”

Sl 2-4 “Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. Antes tem o seu prazer na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite.Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará.Não são assim os ímpios; mas são como a moinha que o vento espalha.Por isso os ímpios não subsistirão no juízo, nem os pecadores na congregação dos justos.Porque o SENHOR conhece o caminho dos justos; porém o caminho dos ímpios perecerá.”

Oração: Senhor Deus todo poderoso, nos ensine a sermos como uma árvore frutífera e se necessário, corte nossos ramos para que possamos ser renovados e darmos frutos em Nome do Senhor Jesus, Amém!

Deus seja louvado!

Por: Marcos Rodrigues

3 comentários:

  1. O blog está lindo irmão, e essa postagem está muito edificadora. ♥ Adorei o novo formato.
    Passei muito tempo sem visitar o seu blog por conta da correria do dia a dia .
    Fica com Deus e continue com o ótimo trabalho : )

    ResponderExcluir
  2. Missionário da paz8 de novembro de 2014 22:04

    Que possamos apenas dar bons frutos...

    ResponderExcluir

Você tem plena liberdade para comentar. Só siga algumas regras:

NÃO serão aceitos comentários que:

→ Forem desagradáveis ou conterem insultos e xingamentos;
→ Desviarem do assunto;
→ Contiverem LINKS, SPAM, endereços eletrônicos;
→ Usarem CAPS em excesso;
→ Conterem racismo, preconceito e intolerância religiosa.
→ Eu peço aos meus leitores que se inscrevam no blog, na opção "Participar deste site'', para que o avatar de vocês
apareça quando vocês fizerem seus comentários.
Não estou mendigando seguidores é só um pequeno aviso.