Breaking News
Loading...
sexta-feira, 29 de agosto de 2014


Deus é Amor. Ele é íntegro e julga qualquer que seja o pecado. "O salário do pecado é a morte" (Romanos 6:23). Isso significa que o pecador é destinado ao inferno depois de ser julgado. Ele separa os justos dos pecadores, assim como separou a luz da escuridão. Deus chama para serem justos aqueles que não têm pecado porque creem que Jesus limpou todos os seus pecados por meio de Sua crucificação, para receber o julgamento por estes pecados. Mas aqueles que ainda têm pecados no coração, devido ao fato de não crerem no batismo de Jesus, são pecadores diante de Deus. Tais são os que não creem na água, isto é, no batismo de Jesus, assim como os incrédulos do tempo de Noé. Se Deus considera como justos e sem pecados aqueles que ainda têm pecados no coração, então Ele deve estar mentindo e, portanto, não pode julgar ou reinar todas as suas criações. 


Ele disse: "Não justificarei o ímpio" (Êxodo 23:7). Os fracos são aqueles que seguem e dependem mais da tradição dos homens e deixam de lado o evangelho da água e do Espírito, pelo qual Deus nos redimiu de todos os nossos pecados, da maneira mais justa e imparcial. 

Jesus disse: "Do pecado, porque não crêem em mim" (João 16:9). O único pecado que resta agora na terra é não crer no fato de que Jesus limpou todos os nossos pecados por meio da Cruz e tornou-se nosso Salvador. Este é pecado de blasfêmia contra o Espírito Santo e que nunca pode ser perdoado. Não há nenhum maneira para aqueles que blasfemam contra o Espírito Santo serem salvos, porque eles não creem que Jesus limpou todos os seus pecados.

Assista ao vídeo e veja esta linda evangelização. Todos acharam que era um mendigo e que ele iria pedir dinheiro, mas, na verdade ele pede algo mais precioso. Assista:

  video
Eu peço aos meus leitores que se inscrevam no blog, na opção  Participar deste site , para que o avatar de vocês apareça quando vocês fizerem seus comentários. Não estou mendigando seguidores é só um pequeno aviso

2 comentários:

  1. ADM do blog, o senhor é pastor? Achei esse texto incrível! Uma verdadeira pregação!

    ResponderExcluir

Você tem plena liberdade para comentar. Só siga algumas regras:

NÃO serão aceitos comentários que:

→ Forem desagradáveis ou conterem insultos e xingamentos;
→ Desviarem do assunto;
→ Contiverem LINKS, SPAM, endereços eletrônicos;
→ Usarem CAPS em excesso;
→ Conterem racismo, preconceito e intolerância religiosa.
→ Eu peço aos meus leitores que se inscrevam no blog, na opção "Participar deste site'', para que o avatar de vocês
apareça quando vocês fizerem seus comentários.
Não estou mendigando seguidores é só um pequeno aviso.