Breaking News
Loading...
segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Na foto acima, missionário sendo espancado por pregar o Evangelho




CHINA - Os dedos sangram. Se eles não derem a quota diária de dinheiro aos guardas, são espancados. Todos os movimentos são seguidos por olhares autoritários. Manuseando fios fininhos, eles amarram metros e metros de cordões junto a lâmpadas de plástico que serão acesas em diversas partes do mundo para celebrar o Natal dos cristãos.
Publicidade

A celebração destes homens, no entanto, será confinada na prisão. O crime cometido por eles? Pregar o evangelho de Jesus Cristo, exatamente o que não podem fazer livremente na China, mas o que cristãos em diversas partes do mundo farão.

Muitos cristãos já enfeitaram ou enfeitarão suas casas e suas árvores de Natal com os pisca-piscas produzidos por esses irmãos confinados. A jornada de trabalho deles é de 16 a 20 horas por dia.

Ao longo deste ano, mais de 600 pastores e líderes cristãos foram colocados atrás das grades por causa de sua fé.

Ore por perseverança
Pastores e líderes cristãos chineses pedem orações para que recebam perseverança. Mas eles não pedem para que a perseguição pare. Eles crêem que os açoites e a privação sejam positivos para o seu ministério.

Lembre-se de interceder por esses homens e mulheres que vivem na China e que com o seu trabalho estão acendendo luzes em todo o mundo para honrar o nascimento de Jesus.

Estima-se que a igreja não-registrada, clandestina, na China, já tenha 80 milhões de seguidores.

“A perseguição para esses pastores é proporcional ao bom trabalho que eles estão realizando para Jesus. Eles vêem esse tempo de aprisionamento como uma oportunidade ministerial única”, diz o pastor Tom Henry, que já passou um período preso na China. "Só não esqueçam de orar por eles".

5 comentários:

  1. devemos orar sempre e sermos gratos pelo que Deus nos deu de presente que é a oportunidade de pregar o evangelho no lugar onde Ele nos colocou.

    Eu vou orar pela igreja perseguida em todas as minhas orações!

    Vinicius Castro

    ResponderExcluir
  2. Irmão não é querendo ser chato mais no seu post tem um erro: está escrito "Na foto acima, missionário sendo espancado por pregar o Evangelho". Mas cadê a foto?? Ah e a propósito, excelente post.

    ResponderExcluir
  3. Amém. Adorei seu blog e já estou o seguindo.
    Que Deus te abençoe e oremos pela igreja perseguida.
    Amém.♥

    ResponderExcluir
  4. Ao visitar alguns blogs me deparei com o seu, e quero dar-lhe os parabens por partilhar o seu saber, gostei por isso deixo aqui um convite:
    Ficaria radiante se visita-se o meu blog, e leia alguma coisa, meu blog é um blog cristão que fala de diversos assuntos,
    É o Peregrino E Servo.
    Desejo muita paz e saúde.
    http://peregrinoeservoantoniobatalha.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  5. É verdade, e as vezes nós aqui nem fazemos nada, não aproveitamos essa "liberdade" pra falar do nome de Jesus, nossos irmãos levam a sério a Vida, o Amor, o Papai.
    Vamos orar por capacitação nossa também ((=

    ResponderExcluir

Você tem plena liberdade para comentar. Só siga algumas regras:

NÃO serão aceitos comentários que:

→ Forem desagradáveis ou conterem insultos e xingamentos;
→ Desviarem do assunto;
→ Contiverem LINKS, SPAM, endereços eletrônicos;
→ Usarem CAPS em excesso;
→ Conterem racismo, preconceito e intolerância religiosa.
→ Eu peço aos meus leitores que se inscrevam no blog, na opção "Participar deste site'', para que o avatar de vocês
apareça quando vocês fizerem seus comentários.
Não estou mendigando seguidores é só um pequeno aviso.